• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2001.tde-13082007-144654
Documento
Autor
Nome completo
Rosa Helena dos Santos Ferraz
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2001
Orientador
Banca examinadora
Bevilacqua, Estela Maris Andrade Forell (Presidente)
Barnabe, Valquíria Hyppólito
Gagioti, Sonia Maria
Miglino, Maria Angélica
Zago, Douglas Antonio
Título em português
Estudo Macro e Microscópico da Placenta de Termo de Capivara (Hydrochaeris hydrochaeris - Carleton, M. D. 1984)
Palavras-chave em português
Capivara
Hemocorial
Macroscopia
Microscopia
Placenta
Resumo em português
O habitat natural da capivara é a América Central e do Sul, em áreas que vão desde o Panamá até a Argentina, o que inclui a região Andina. Estes animais são herbívoros, diurnos, semi-aquáticos, gregários e dóceis; eles formam grandes rebanhos e são potencialmente importantes para: a produção de carne de ótima qualidade, couro e óleo, amplamente utilizado na medicina popular. Apesar de seu presuntivo valor econômico, estes animais foram até o momento pobremente estudados, mesmo no que tange às suas características reprodutivas. Neste trabalho, foi dada especial atenção ao estudo macro e microscópico da placenta de termo destes animais, órgão de fundamental importância para o sucesso do desenvolvimento fetal, manutenção da gestação e garantia de expansão dos rebanhos. Foram utilizadas 11 placentas de termo de capivaras (Hydrochaeris hydrochaeris). Nossos resultados mostraram uma placenta vitelina e uma placenta corioalantoidiana coexistindo juntas até o final da gestação, exibindo uma forma discóide irregular e fixada à região mesometrial do útero pelo pedúnculo da placenta. A placenta corioalantoidiana é formada por estruturas irregulares que caracterizam os lobos e lóbulos placentários; à microscopia eletrônica de transmissão a barreira placentária é do tipo hemomonocorial. O principal componente celular da placenta, o trofoblasto, está em grande parte representado pelo sinciciotrofoblasto, tanto nas regiões de trocas, o labirinto que constitui a região lobular, como nos interlóbulos. Na região de trocas o trofoblasto é polarizado, apresenta uma composição de organelas semelhante à encontrada em células com intensa atividade de síntese protéica e endocitose. A análise geral dos componentes vasculares e sanguíneos, materno e fetal da placenta, também sugere que a circulação placentária é do tipo contracorrente. Em todos os aspectos morfológicos estudados, a placenta da capivara foi bastante semelhante à observada em cobaias por outros autores.
Título em inglês
Macroscopic and microscopic study of mature capybara placenta (Hydrochaeris hydrochaeris - CARLETON, M. D. 1984)
Palavras-chave em inglês
Capybara
Hemochorial
Macroscopy
Microscopy
Placenta
Resumo em inglês
South and Central America are the natural habitat of the capybara, in the areas that go from Panama to Argentina, including the Andes region. These animals are herbivorous, diurnal, semi-aquatic, gregarious and docile; they live in large groups and are potentially important for the production of high quality meat, skin and oils, largely utilized in popular medicine. In spite of their economical value for the South and Central America populations, capybaras have not yet been properly studied, not even regarding their reproductive features. In this study, special attention has been given to the macroscopic and microscopic analyses of the mature placenta, an organ of fundamental importance to the fetal development and the maintenance of the gestation. Eleven mature placentas of capybara (Hydrochaeris hydrochaeris) were used. Our results show a vitelline and a chorio - allantoic placenta, coexisting until the end of the gestation, and exhibiting an irregular discoidal shape, fixed to the mesometrial region of the uterus by the stem placenta. The chorio - allantoic placenta is formed by irregular structures that characterize the placental lobes and lobules and, under electron microscopy, the materno - fetal barrier is hemomonochorial. The main cellular placental component is largely represented by the syncytiotrophoblast in the exchange areas of the labyrinth, which form the lobular region, as well as in the interlobular area. In the labyrinthic region the trophoblast is polarized and presents typical organelles of cells, which express intense protein synthesis activity and endocytosis. The general analysis of the vascular and blood components of the placenta was suggestive of a countercurrent placental circulation. Our morphological results also show that the capybara placenta has a similar structure to that found in the guinea pig by other authors.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-08-20
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.