• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2006.tde-01032007-124927
Documento
Autor
Nome completo
Ana Paula Vidotti
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Bombonato, Pedro Primo (Presidente)
Benedicto, Hildebrando Gomes
Mariana, Arani Nanci Bomfim
Monteiro, Rosangela
Prado, Isaura Maria Mesquita
Título em português
Vascularização arterial da região do nó sinoatrial em corações humanos normais
Palavras-chave em português
Artéria nodal
Circulação atrial
Coração
Morfologia
Nó sinoatrial
Resumo em português
O nó sinoatrial (NSA) é responsável pela geração dos impulsos nervosos determinantes da contração cardíaca, sendo seu suprimento sangüíneo feito pela artéria do nó sinoatrial - ANSA. Neste trabalho, objetivou-se estudar a vascularização arterial da região do NSA, em corações humanos normais, por meio de técnicas macroscópicas, procurando enfocar a terminação da ANSA, sua origem e trajeto, atentando para a presença ou não da chamada "rede arterial perisinusal". Vinte e cinco (25) corações, de indivíduos adultos, de ambos os sexos, sem doenças cardíacas, obtidos no "Serviço de Verificação de Óbitos da Capital (SVOC) da Universidade de São Paulo", tiveram os óstios coronários canulados para injeção de resina vinílica corada. As peças foram fixadas em solução aquosa de formol 10% (48 horas), seguindo-se a dissecação da circulação atrial. As metades direita e esquerda dos átrios apresentaram número equivalente de artérias (62 e 63, respectivamente), o que não ocorreu para as metades anterior e posterior (77 e 48, respectivamente). A ANSA originou-se da artéria coronária direita, em 15 casos (60%): em onze (11) da artéria atrial direita anterior medial (AADAM), dois (2) da direita intermédia (AADAI) e dois (2) da direita lateral (AADAL). Em oito casos (32%), originava-se da artéria coronária esquerda: três (3) da artéria atrial esquerda posterior lateral (AASPL), dois (2) da esquerda anterior intermédia (AASAI) e três (3) da anterior medial (AASAM). Em 8% dos casos (2) a distribuição era peculiar - em um AASAM e artéria atrial esquerda anterior lateral (AASAL) estavam em continuidade, até alcançarem e penetrarem a região do nó, e, no segundo caso, a AASAM unia-se com a artéria atrial direita posterior lateral (AADPL), com trajeto em forma "U", circundando a base da veia cava superior. Em oito corações, identificou-se intensa ramificação na região perinodal, indicativo da ocorrência da "rede arterial perisinusal". A diversidade do trajeto da ANSA ora observada e a indicada pela literatura reitera a necessidade de maiores estudos sobre este trajeto, de modo a contribuir para a higidez do NSA nas cirurgias envolvendo manipulação atrial.
Título em inglês
Arterial vascularization of the sinoatrial node area in normal human hearts
Palavras-chave em inglês
Atrial circulation
Heart
Morphology
Ninoatrial node
Nodal artery
Resumo em inglês
The sinoatrial node (NSA) is responsible for the production of the nervous impulses, which determine the cardiac contraction and its blood supply is provided by the sinoatrial node artery - ANSA. In this research we aimed to study the arterial vascularization of the NSA area in normal human hearts, with macroscopic techniques intending to identify the origin of the sinoatrial node artery, its termination, attempting to the presence or not of the so called "arterial perisinusal network". Twenty five (25) hearts, without diseases, obtained from the "Serviço de Verificação de Óbitos da Capital (SVOC) da Universidade de São Paulo" were canulated by the coronary ostium following injected with colored resin. They were fixed in 10% watery formaldehyde solution (48 hours) an afterwards the atrial circulation was dissected. The left and right atrial halves demonstrating equivalence of arteries (62 and 63 respectively), which was not observed in the anterior and posterior halves of the heart (77 and 48 arteries respectively). The ANSA was originated from de right coronary artery in fifteen cases (60%): eleven by the right anterior medial atrial artery (AADAM), two by the right anterior intermedial atrial artery (AADAI) and two by the right anterior lateral atrial artery (AADAL). In eight cases (32%) was originated from the left coronary artery: three by the left posterior lateral atrial artery (AASPL), two by the left anterior intermedial atrial artery (AASAI) and three by left anterior medial atrial artery (AASAM). In 8% of the cases, the vascular distribution was peculiar - in one of them, the AASAM and left anterior lateral atrial artery (AASAL) were in continuous, reaching and penetrating the node area. In the second case, the AASAM artery joined to the right posterior lateral atrial artery (AADPL) forming a continuous "U" shape surrounding the base of the VCS. In eight hearts, the arterial distribution showed intense ramification in the perinodal area, which could indicate the occurrence of the "perisinusal arterial network". The diversity of the ANSA´s traject, indicated by the literature, shows the necessarily others studies about it to contribute to the integrity of the NSA in surgical procedures that involves the atrial walls.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
AnaPaulaVidotti.pdf (1.23 Mbytes)
Data de Publicação
2007-04-16
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.