• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2006.tde-28022007-141250
Documento
Autor
Nome completo
Thais Rose dos Santos Hamilton
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2006
Orientador
Banca examinadora
Madureira, Ed Hoffmann (Presidente)
Camargo, Claudio Roberto de Almeida
Lucci, Carlos de Sousa
Título em português
Características seminais de ovinos alimentados com uréia e diferentes fontes de enxofre
Palavras-chave em português
nutrição
ovinos
reprodução
sêmen
uréia
Resumo em português
No presente experimento os efeitos de adicionar-se enxofre, nas formas inorgânica e orgânica (quelatada) em rações ricas em uréia (nitrogênio não protéico), nos tecidos reprodutivos de ovinos e as conseqüências advindas desta suplementação sobre as características seminais destes animais foram estudados num delineamento em blocos incompletos equilibrados. Doze carneiros machos adultos de mesma idade, mestiços Santa Inês e de porte semelhante foram empregados em dois períodos experimentais de 60 dias cada para avaliar três tratamentos: A. 100% das exigências em proteína degradável no rúmen (controle); B. 100% das exigências em proteína degradável no rúmen + 3% de uréia + enxofre (99% S) e C. 100% das exigências em proteína degradável no rúmen + 3% de uréia + enxofre quelatado (21,5% S). Colheitas semanais de sêmen foram realizadas em vagina artificial durante ambos períodos experimentais, cada um correspondente a um ciclo espermático, totalizando nove colheitas por animal em cada período experimental. Colheitas de sangue foram realizadas semanalmente para determinação da concentração de nitrogênio (N) uréico. Peso vivo e circunferência escrotal também foram aferidos semanalmente. No sêmen foram analisados: volume, turbilhonamento, vigor espermático, motilidade espermática, concentração espermática, total de espermatozóides no ejaculado, total de espermatozóides viáveis no ejaculado, integridade de membrana espermática, integridade de acrossoma e concentração de nitrogênio uréico no plasma seminal. Os tratamentos com suplementação de uréia apresentaram níveis de N-uréico no plasma sanguíneo e seminal significativamente maiores que os níveis encontrados no tratamento controle (p<0,05). Não houve diferença significativa entre as fontes de enxofre utilizadas. Os tratamentos avaliados não diferiram (p>0,05) quanto às características do sêmen estudadas. O aumento dos níveis de Nuréico no sangue e sêmen não provocou prejuízos nas características seminais de carneiros mestiços Santa Inês, nas condições deste experimento.
Título em inglês
Seminal characteristics of rams fed with urea and differents sources of sulphur
Palavras-chave em inglês
nutrition
reproduction
semen
sheep
urea
Resumo em inglês
In this research the addiction of inorganic and organic sulphur to diets with urea over the reproductive tissues of rams and its consequences on seminal characteristics were studied in a balanced incomplete block design. Twelve adult Santa Inês crossbred rams with similar weight and age were employed in two 60 days periods to evaluate three treatments: A. 100% of degradable protein requirement (control); B. 100% of degradable protein requirement + 3% urea + inorganic sulphur (99% S) and C. 100 % of degradable protein requirement + 3% urea + organic sulphur (21,5% S). Seminal collections were made weekly through artificial vagina over both experimental periods, corresponding each one to spermatic cycle, getting at an amount of nine collections by animal by period. Blood collections were made weekly to analyze plasma Nureic levels. Live weight and scrotal circumference were measured also weekly. In semen samples were studied volume, microscopic waves, vigor, motility, concentration, total sperm per ejaculate, total feasible sperm per ejaculate, membrane sperm integrity, acrosomal integrity and N-ureic level in seminal plasma. Treatments with urea presented blood and seminal plasma Nureic levels higher than the ones of control treatment (p< 0,05). There was no significant difference between organic and inorganic sources of sulphur. The treatments did not affect semen characteristics (p>0,05). Increased blood and semen N-ureic levels did not evoke damages on seminal characteristics of Santa Inês crossbred rams, under the conditions studied during this experiment.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2007-03-02
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.