• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Tese de Doutorado
DOI
10.11606/T.10.2004.tde-22092006-160932
Documento
Autor
Nome completo
Alexandre Rossetto Garcia
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
Pirassununga, 2004
Orientador
Banca examinadora
Arruda, Rubens Paes de (Presidente)
Baruselli, Pietro Sampaio
Campos Neto, Otávio
Silva, Antonio Emidio Dias Feliciano da
Traldi, Anneliese de Souza
Título em português
Efeitos do estresse térmico testicular e do uso da somatotropina recombinante bovina nas características seminais, integridade de membranas, função mitocondrial e estrutura da cromatina de espermatozóides de touros Simental (Bos taurus taurus)
Palavras-chave em português
Cromatina
Degeneração testicular
Estresse térmico
Sêmen animal
Somatotropina bovina (bST)
Resumo em português
Uma abordagem mais moderna sobre o binômio estresse térmico-degeneração foi realizada, visando monitorar a integridade de acrossomo, mitocôndrias e cromatina. Raros são os trabalhos sobre os efeitos da somatotropina bovina exógena (bST) sobre a qualidade seminal de touros que tenham passado por períodos de estresse térmico e conseqüente degeneração testicular. Foram objetivos do trabalho: 1) Comparar as características seminais e espermáticas de touros normais e touros submetidos a estresse térmico testicular (tratados ou não com bST); 2) Avaliar a integridade da membrana plasmática e acrossomal, função mitocondrial e defeitos cromossômicos de espermatozóides de touros normais e touros submetidos a estresse térmico testicular (tratados ou não com bST). Para tanto, o experimento foi dividido em 4 fases: Fase Pré-Insulação: período do dia 1 ao dia 35 (dia 1 = dia do início do experimento), Fase Pré-Tratamento: período do dia 36 ao dia 63 (colocação da bolsa insuladora no dia 36 por 96 horas), Fase Tratamento: período do dia 64 ao dia 119 (aplicações de bST), Fase Pós-tratamento: período do dia 120 ao dia 154. O sêmen de dezesseis touros Simental (Bos taurus taurus) foi coletado semanalmente ao longo de 22 semanas (154 dias). Os touros foram divididos em quatro grupos: o Grupo CONT foi o controle, não foi submetido a qualquer tratamento; o Grupo INSUL sofreu insulação testicular; o Grupo bST recebeu aplicações de somatotropina bovina (Lactotropin® 1 mg/kg PV) a cada quatorze dias a partir do dia 64; o Grupo IbST sofreu insulação e recebeu aplicações de somatotropina. Os animais foram avaliados quanto às características físicas e seminais. O estresse térmico testicular influenciou negativamente o perímetro escrotal, a motilidade espermática, o vigor, o movimento de massa, mas aumentou o total de defeitos espermáticos. A somatotropina bovina influenciou a quantidade de cabeças piriformes nos ejaculados. Os defeitos de cromatina foram influenciados pelo estresse térmico testicular. A população de espermatozóides com membrana plasmática íntegra, acrossomo intacto e potencial mitocondrial foi reduzida em função do estresse térmico testicular
Título em inglês
Effects of thermal stress and recombinant bovine somatotropine employment on seminal features, integrity of membranes, mitochondrial function and chromatin structure of spermatozoa from Simmental bulls (Bos taurus taurus)
Palavras-chave em inglês
Animal semen
Bovine somatotropine (bST)
Chromatin
Testicular degeneration
Thermal stress
Resumo em inglês
Modern approach concerning binomial thermal stress-testicular degeneration was done in order to study chromatin, acrosomal and mitochondrial integrity. Furthermore, there are few relates about effects of exogenous bovine somatotropine (bST) on seminal quality of bulls which were submitted to thermal stress and consequent testicular degeneration. The objectives of this study were: 1) Comparing seminal and spermatic features of bulls which were submitted to testicular thermal stress (treated or not with bST); 2) Evaluating of the plasmatic and acrosomal membrane integrity, mitochondrial function, and chromosomal defects from the spermatozoa of these bulls. The experiment was divided in 4 phases. Pre-insulation phase: from day 1 to 35 (day 1 = first day of experiment), Pre-treatment phase: from day 36 to 63, Treatment phase: from day 64 to 119 (treatment with bST) and Post-treatment phase: from day 120 to 154. Semen of sixteen Simmental bulls (Bos taurus taurus) was collected once a week, during 22 weeks (154 days). Bulls were split in four groups: Group CONT was the control, and it was not treated or insulated; Group INSUL was insulated; Group bST was treated with bovine somatotropine (Lactotropin® 1.2 mg/kg BW) each 14 days since day 64. Group IbST was insulated and treated with bST. Physical and seminal features of bulls were evaluated. Thermal stress decreased scrotal circumference, sperm motility, vigour and gross motility, and increased total sperm defects. The bST increased pyriform heads in ejaculated. Testicular thermal stress increased chromatin defects. Sperm population with intact plasmatic membranes, intact acrosome and mitochondrial function were reduced by testicular thermal stress
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
Data de Publicação
2006-10-24
 
AVISO: O material descrito abaixo refere-se a trabalhos decorrentes desta tese ou dissertação. O conteúdo desses trabalhos é de inteira responsabilidade do autor da tese ou dissertação.
  • GARCIA, A. R., et al. Associação da medroxiprogesterona ao protocolo Ovsynch para inseminação artificial em tempo fixo de búfalas cíclicas (Bubalus bubalis) criadas na Amazônia Oriental [doi:10.1590/S0044-59672008000300001]. Acta Amazonica [online], 2008, vol. 38, p. 369-378.
  • GARCIA, A. R., et al. Associação de Medroxiprogesterona ao Protocolo Ovsynch para Sincronização do Estro em Búfalas Criadas na Amazônia Oriental-resultados parciais. In XVII Congresso Brasileiro de Reprodução Animal, Curitiba, 2007. Colégio Brasileiro de Reprodução Animal., 2007. Resumo.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.