• JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
  • JoomlaWorks Simple Image Rotator
 
  Bookmark and Share
 
 
Dissertação de Mestrado
DOI
10.11606/D.10.2003.tde-14062004-111239
Documento
Autor
Nome completo
Valérya Fernandes Mello
E-mail
Unidade da USP
Área do Conhecimento
Data de Defesa
Imprenta
São Paulo, 2003
Orientador
Banca examinadora
Martins Junior, Alicio (Presidente)
Barnabe, Renato Campanarut
Chacur, Marcelo George Mungai
Título em português
Influência da receptora e do embrião sobre a viabilidade embrionária e sexo determinados através da ultra-sonografia
Palavras-chave em português
bovino
embriões
fertilização in vitro
receptora
ultra-sonografia
Resumo em português
Este trabalho foi conduzido com a finalidade de se verificar a influência da receptora e do embrião sobre o índice de prenhez (IP) e proporção de sexo. Um total de 431 embriões produzidos in vitro foram transferidos não cirurgicamente para o corno uterino de receptoras mestiças, previamente sincronizadas, de acordo com o desenvolvimento embrionário e grau de qualidade do embriâo. O primeiro exame de diagnóstico de prenhez (DP) foi realizado aos 26-28 dias da transferência e o segundo, aos 50-52 dias, quando foram também realizadas as avaliações das receptoras e a determinação do sexo dos fetos através da ultra-sonografia. O índice de prenhez foi de 38,0% (164/431) para o primeiro DP e 92,1% (151/164) das receptoras permaneceram prenhes aos 50-52 dias, evidenciando 7,9% (13/164) de perdas embrionárias e/ou fetais entre os exames. Maiores índices de prenhez (P<0,05) foram obtidos para embriões classificados como de grau 1 (86,5%) e desenvolvimento embrionário ao estágio de blastocisto expandido (Bx; 40,1%). A avaliação das receptoras revelou maior ocorrência de corpos lúteos (CL) no ovário direito (65,1% vs. 34,9%), contudo, sem influenciar no IP, com 92,8% e 88,5% de prenhez, respectivamente, para CL no ovário direito e esquerdo. O tipo de CL (grau 1, 2 ou 3) afetou o IP, com o Cl de grau 1 (53,8%) produzindo mais animais prenhes (P<0,05) do que os demais. A presença de folículo em um ou ambos ovários, não influenciou (P>0,05) o IP, a despeito de sua ocorrência no lado direito (90,6%) ou esquerdo (92,0%). Mais (P<0,05) fetos macho (66,67%) do que fêmea (33,33%) foram obtidos a partir de embriões transferidos ao estágio de blastocisto inicial. Contudo, considerando os estágios de mórula, blastocisto inicial, blastocisto e blastocisto expandido, não houve diferença significativa (P>0,05) entre a proporção de fetos diagnosticados como sendo macho ou fêmea. Os diâmetros dos corpos lúteos, respectivamente, de 1,83, 1,88, 1,81 e 1,85cm, para receptoras com pelagem clara, malhada, marrom e preta, não influenciaram (P>0,05) os índices de prenhez, o mesmo acontecendo com relação ao tamanho do folículo, o qual variou de 0,50 a 1,6 cm de diâmetro. Baseado nos resultados obtidos, podemos concluir que tanto a receptora quanto o embrião influenciaram os índices de prenhez, sendo que o estágio do embrião também afetou a proporção de sexo dos fetos.
Título em inglês
Influence of the recipient and embryo on embryonic viability and sex determined by ultrasonografic exam
Palavras-chave em inglês
bovine
embryos
in vitro fertilization
recipient
ultrasonography
Resumo em inglês
This study was carried out to verify the influence of the recipient and embryo on pregnancy rate (PR) and proportion of sex. A total of 431 in vitro- produced embryos were non-surgically transferred to the uterine horns from crossbred recipients previously synchronized, according to the embryo development stage and quality grade. The first exam for pregnancy was performed between 26th-28th day of embryo transfer following a second exam between 50th-52th day, when recipient evaluation and fetal sex determination were performed by ultrasonography. The pregnancy rate was 38,0% (164/431) for the first exam and 92,1% (151/164) of the recipients were kept pregnants on day 50-52, leading a 7,9% (12/164) of embryonic and/or fetal loss between the exams. Higher pregnancy rate (P<0,05) were obtained for embryo graded as 1 (86,5%) and embryo development at expanded blastocyst stage (EB;40,1%). The recipients evaluation showed more corpora lutea (CL) in the right ovary (65,1% vs.34,9%); however, it did not influence PR, with 92,8% and 88,5% of pregnancies, respectively, to CL in the right or left ovary. The type of CL affected the PR, with CL graded as 1 (53,8%) producing more pregnancies (P<0,05) than the others. The presence of a follicle in one or both ovaries did not influence (P>0,05) the PR, in despite of its presence in the right side (90,6%) or in the left side (92,0%). More (P< 0,05) male fetus (66,67%) than female ones (33,33%) were obtained from transferred embryos to the early blastocyst stage. However, considering the early blastocyst, blastocyst and expanded blastocyst stages, no difference (P>0,05) between the proportion of sex fetus was found. The CL diameters, respectively, from 1,83, 1,88, 1,81 and 1,85 cm for light-hair, threshed, brown and black recipients, did not affect (P>0,05) the PR, and the same happend in relation to the size of the follicle, which varied from 0,50 to 1,6 cm in diameter. These results suggest that the recipient and the embryo can influence the pregnancy rate and embryo development stage also affect the proportion of sex.
 
AVISO - A consulta a este documento fica condicionada na aceitação das seguintes condições de uso:
Este trabalho é somente para uso privado de atividades de pesquisa e ensino. Não é autorizada sua reprodução para quaisquer fins lucrativos. Esta reserva de direitos abrange a todos os dados do documento bem como seu conteúdo. Na utilização ou citação de partes do documento é obrigatório mencionar nome da pessoa autora do trabalho.
valeryamello.pdf (405.62 Kbytes)
Data de Publicação
2004-11-05
 
AVISO: Saiba o que são os trabalhos decorrentes clicando aqui.
Todos os direitos da tese/dissertação são de seus autores
Centro de Informática de São Carlos
Biblioteca Digital de Teses e Dissertações da USP. Copyright © 2001-2018. Todos os direitos reservados.